Melhores Práticas DevOps

 

Integração Contínua

Prática com o objetivo de encontrar e investigar erros mais rapidamente, melhorando a qualidade do software e reduzindo o tempo necessário para validar e lançar novas atualizações de software.

 

Distribuição Contínua

Expandida com base na integração contínua, é uma prática de desenvolvimento de software em que alterações de código são criadas, testadas e preparadas automaticamente para liberação para produção.

 

Microsserviços

Consiste na criação de um único aplicativo com um conjunto de pequenos serviços executado em seu próprio processo, que se comunicam entre si por meio de interfaces bem definidas que utilizam mecanismos leves, onde cada serviço abrange uma finalidade única.

 

Infraestrutura como Código

Como controle de versão e integração contínua, é uma prática em que a infraestrutura é provisionada e gerenciada usando técnicas de desenvolvimento de código e software.

 

Monitoramento e Registro em log

Desenvolvida com o objetivo de analisar como a infraestrutura afeta a experiência do usuário final do seu produto, monitorando métricas e logs.

 

Comunicação e Colaboração

Permitindo que todas as partes da empresa se alinhem às metas e aos projetos da empresa, a comunicação e colaboração entre as equipes é um dos principais aspectos culturais do DevOps.

 

 

Não necessariamente haverá novas métricas, porém a maioria dos indicadores são voltados para o deployment, sendo um conjunto de boas práticas para serem aplicadas na operação, na infraestrutura, operação e gerenciamento dos serviços.

A frequência e velocidade de deployment, o tempo médio para restauração de um serviço e a velocidade de verificação do software são alguns indicadores mais comuns na governança de um TI baseado em DevOps.

 

 

Para saber mais sobre o assunto, basta preencher o formulário ao lado e receba agora mesmo o seu e-book completo!